Glórias do Passado: Temporada de 1969/70 - 4ª Parte

 

Temporada de 1969/70 - 4ª Parte


No final do Campeonato Nacional da 1ª Divisão da época de 1969/70 o Vitoria SC foi o 5º colocado na tabela classificativa final, com 28 pontos, a mesma pontuação do FC Barreirense que foi o 4º colocado e o Varzim SC que foi 6º classificado. O Vitoria SC contabilizou ao longo da prova, 14 vitórias, 4 empates e 10 derrotas. Marcou 38 golos ao longo das 26 jornadas do Campeonato Nacional e sofreu 36.

Com o 5º lugar obtido na tabela classificativa do Campeonato Nacional da 1ª Divisão, o Vitoria SC garantiu um lugar na Taça Cidades Com Feiras na temporada seguinte, juntamente com o Vitoria de Setúbal e o FC Barreirense. O Sporting CP, vencedor da competição, classificou-se para a Taça dos Campeões Europeus e o SL Benfica, vice campeão e vencedor da Taça de Portugal, apurou-se para a Taça das Taças.

No Campeonato Nacional da 1ª Divisão de 1969/70, o Vitoria SC, treinador inicialmente por Gilberto de Carvalho "Giba", até à 2ª jornada, e Fernando Caiado, posteriormente, adoptou como equipa principal o seguinte onze: o guarda-redes Rodrigues (19 jogos); na defesa Costeado (24 jogos), Manuel Pinto (25 jogos), Joaquim Jorge (26 jogos) e Silva (22 jogos); no meio campo Artur (24 jogos), Peres (24 jogos) e Osvaldinho (19 jogos); e na frente de ataque o trio composto por Zézinho (20 jogos), Manuel (21 jogos) e Mendes (26 jogos).

Nesta época e naquela concreta competição, o Vitoria SC utilizou ainda o guarda-redes Roldão (8 jogos); o defesa Torres (1 jogo); os médios Bernardo da Velha (14 jogos), Bilreiro (6 jogos) e Augusto (11 jogos); e os avançados Carlos Manuel (13 jogos), Ademir (3 jogos), Castro (4 jogos) e Bilhó (1 jogo).

O Vitoria SC participou ainda na Taça de Portugal na sua edição de 1969/70 onde atingiu os quartos de final e foi eliminado pelo SL Benfica, equipa que viria a conquistar o troféu.

A equipa vimaranense entrou na competição nos dezasseis avos de final defrontando a AD Sanjoanense da 2ª Divisão Nacional. Na partida da 1ª mão o Vitoria SC deslocou-se ao Estádio Conde Dias Garcia em São João da Madeira onde venceu a formação da casa por 0-2, com golos apontados pelo brasileiro Ademir.

Na partida da 2ª mão disputada no Estádio Municipal de Guimarães, o Vitoria SC apresentou-se demasiado descontraído e pouco aplicado, o que quase redundou na eliminação dos vimaranenses. É que, na verdade, a equipa da AD Sanjoanense esteve mesmo a vencer o Vitoria SC, em Guimarães, por 2-4.

Depois de enormes calafrios, a equipa do Vitoria SC apenas conseguiu garantir a passagem à eliminatória seguinte através de um golo apontado por Mendes a poucos minutos do final do desafio.

Na eliminatória seguinte, coube ao vimaranenses defrontarem a frágil equipa do SC Lusitânia dos Açores. No jogo da 1ª mão em Guimarães, o Vitoria SC goleou por 11-0, com tentos de Mendes e Manuel, que apontaram 3 golos cada um, Peres e Bernardo da Velha, que anotaram 2 cada um, e ainda 1 golo do extremo brasileiro Zézinho.

Já no encontro da 2ª mão, disputado novamente, por acordo entre as equipas, no Estádio Municipal de Guimarães, o Vitoria SC venceu, desta feita, por 9-0, num jogo em que vimaranenses apresentaram, naturalmente, uma equipa sem algumas das principais peças.

Os nove golos do Vitoria SC no jogo da 2ª mão frente ao SC Lusitânia dos Açores foram marcados por Bernardo da Velha e Mendes, com 3 golos cada um, e por Ademir, Teixeira e Artur.

Nos quartos de final o Vitoria SC teve que defrontar a poderosa equipa do SL Benfica. No primeiro jogo da eliminatória disputado na cidade berço, o Vitoria SC foi dominador e uma equipa muito personalizada, que vergou com mestria a formação dos encarnados.
.
O Vitoria SC venceu por 2-0 com golos da autoria de Zézinho e do jovem Osvaldinho. Mas a verdade é que bem poderia ter goleado o adversário, construindo um resultado histórico que, só por falta de sorte na finalização, não se verificou.
.

(Vitoria SC - SL Benfica nos quartos de final da Taça de Portugal)
.
No jogo da 2ª mão disputado no Estádio da Luz, tudo levava a crer que o SL Benfica iria ter muitas dificuldades para ultrapassar a reconhecida solidez da defensiva do Vitoria SC por forma a ultrapassar a vantagem conquistada pelo vimaranenses em Guimarães.

Todavia, a equipa do Vitoria SC não esteve de forma alguma acertada e cometeu alguns erros que se revelaram fatais, perante uma equipa com a capacidade dos encarnados. O SL Benfica venceu por 4-1, acabando por suplantar a desvantagem na eliminatória e assim apurar-se para as meias-finais de uma competição que viria a vencer.

Adicionalmente, registe-se a participação da equipa do Vitoria SC, na temporada de 1969/70, no Torneio Internacional de Pamplona disputado no Estádio El Sadar. O Vitoria SC terminou classificado no último lugar desta prestigiada competição.
.
No primeiro jogo das meias-finais, a equipa do Vitoria SC foi derrotada pelo Real Maiorca de Espanha por 1-0, através de um golo apontado por Cáceres aos 26 minutos. No jogo de atribuição do 3º e 4º lugar os vimaranenses perderam novamente, desta vez por 2-1, frente ao Osasuna de Espanha. O golo do Vitoria SC foi apontado por Mendes, enquanto que pela turma espanhola marcou Serafim e Fanjul.
.
(Osasuna - Vitoria SC no Torneio Internacional de Pamplona)
.
Além do Campeonato Nacional da 1ª Divisão e Taça de Portugal, a equipa do Vitoria SC no escalão seniores participou, essencialmente com a sua equipa de reservas, na Taça do Norte de Reservas e no Campeonato Regional da A.F. de Braga. No final da temporada disputou ainda a tradicional Taça Ribeiro dos Reis, competição organizada pela Federação Portuguesa de Futebol.
.
O Vitoria SC foi integrado na 1ª Série terminando posicionado no 2º posto atrás do FC Famalicão que se apurou directamente para as meias finais de uma prova que viria a ser conquistada pelo Vitoria de Setúbal, depois de na final vencer a Académica de Coimbra por 2-1.
.
(Vitoria SC - Ourense de Espanha)
.
Por ultimo, referencia, ainda, para a predominância das equipas de formação do Vitoria SC que, com o correr dos anos, iam adquirindo destaque no panorama futebolístico regional e nacional. Nesta época salienta-se a conquista do Campeonato Regional de Juvenis pelo Vitoria SC.
.
(Equipa de juniores do Vitoria SC na época de 1969/70)
.
(Vitoria SC - GD Riopele em juniores)
.
(Equipa de juvenis do Vitoria SC na temporada de 1969/70)
.
(Equipa de juvenis do Vitoria SC na época de 1969/70)
.
(No Campo da Amorosa equipa de juvenis do Vitoria SC em 1969/70)


Autor: Alberto de Castro Abreu

O OSVALDINHO é Alentejano,natural de Beja,salvo erro.
 
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
 
Enviar um comentário



<< Home
Site Meter